terça-feira, 20 de julho de 2010

Link Inevitável ao "Público"...António Arnault acusa PSD de tentativa de "golpe de estado" em matéria de saúde...


António Arnault, o "pai" do Serviço Nacional de Saúde, que foi ministro da Saúde, Bastonário da Ordem dos Advogados, e que é conhecido pela sua honradez e frontalidade, acusa o PSD de tentativa de "golpe de estado" em matéria de saúde, como melhor se pode ler no Público.
OC

8 comentários:

São disse...

Arnaut está coberto de razão.

Uma vergonha esta proposta de Passos, a todos os níveis!!

Boa noite.

Bettencourt de Lima disse...

Jovens janízaros

Os jovens janízaros que tomaram conta do PSD estão prestes a alterar a matriz social-democrata do partido e a criar uma formação que nada tem a ver com a origem. Pois bem, para além da confusão que se está a instalar nas bases do partido, constituído basicamente por pessoas que ao longo dos anos se habituou a ver o partido lutar pela melhoria das suas condições de vida, nomeadamente na saúde, na escola e nas reformas, vê agora o partido a ser elogiado pelos patrões,
que vêem no horizonte a possibilidade de despedir sem limite nem escrúpulo.
Não sei como se pode ser tão politicamente néscio em tão pouco tempo !

Ana Brito disse...

Caro Amigo Osvaldo
Como bem refere António Arnault “Os direitos sociais transformam a República numa cadeia de solidariedades”.
De facto, segurança e solidariedade são duas das necessidades fundamentais do ser humano e é lamentável que existam ideologias e visões curtas e obsoletas a pretender regredir no tempo e a querer constituir uma sociedade à deriva sem respeitar o enquadramento social, político e económico, no caso, e de momento, do nosso SNS protagonizado por um excelente "pai" que tão bem pensou nos "filhos" da nação.
Com significativo respeito...
Um Abraço Amigo e Solidário
Ana Brito

Rogério Pereira disse...

Claro que não vamos deixar...

Mas são 98 propostas de alteração à Constituição. Não haverá aqui uma estratégia de PC de entrar "a matar" para depois cerrar fileiras em torno de "coisas menores"?

Parvo ele não é...
(ou será que é mesmo?)

Carta a Garcia disse...

São,

É verdade que A.Arnaut está com carradas de razão. Como ele diz, querem que os pobres tenham direito à saúde de índole caritativa, enquanto os ricos,que possam pagar seguros principescos, terão direito aos melhores médicos e às melhores condições hospitalares e de tratamento.
Obrigado pelo Comentário, volte sempre,
Cumprimentos,
OC

Carta a Garcia disse...

Caro Bettencourt de Lima,

Espero que não se importe que lhe responda com as mesmas palavras da Resposta ao Comentário anterior.
Cumprimentos,
Volte sempre,

Carta a Garcia disse...

Cara Ana Brito,

Este é um momento difícil...a investida do PSD,por mão do seu lider,está a ultrapassar todos os limites...Há mesmo reacções muito negativas em sectores importantes do PSD, basta ver Santana Lopes que acima cito,mas também Alberto João Jardim,Marcelo e inúmeros outros que se sentem incomodados
com a desfaçatez da proposta até agora conhecida...Vai ser preciso que todas as vozes se façam ouvir, Amiga Ana,
Abraço Amigo,

Carta a Garcia disse...

Caro Rogério Pereira,

Pois, são propostas a mais...mas o mais grave nem é a quantidade, mas antes a qualidade predadora dalgumas delas em relação ao Estado Social....
Claro, eles podem recuar, admito-o, mas querem deixar claro que essa é a linha programática do novo PSD...Ultraliberal, contra o Estado social, e com poderes acrescidos ao PR num retorno de 30 anos...fazendo com que o governo dependa mais do PR que da Assembleia...!
Abraço,