terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Lei do arrendamento não deve ser aprovada de uma só vez, diz Freitas do Amaral

27.02.2012-Por:Público/Lusa
O ex-ministro Diogo Freitas do Amaral recomendou hoje que a aprovação da nova lei do arrendamento urbano não seja “feita de uma rabanada”, pedindo “particular cuidado” dos deputados para atender às diferentes realidades.
O novo regime deve ser “debatido na Assembleia da República com particular cuidado e com uma grande preocupação de atender a tipos diferenciados de situações”, defendeu o jurista, no final da primeira reunião sobre a nova lei do Conselho Municipal de Habitação, em Lisboa, em que participou como convidado. (ler mais)

1 comentário:

Luís Coelho disse...

Então que faça ele a lei e que depois o parlamento a rectifique de modo a torná-la menos injusta e mais equilibrada.